Foto: Anderson Seixas/IBEECNo último sábado (11/03), o Instituto Brasileiro de Excelência no Esporte e Cultura (IBEEC) realizou a 1ª etapa da Copa IBEEC de Futsal, com disputas na categoria sub-15 masculina. Dos projetos que participaram, três são viabilizados pelo Minas Esportiva Incentivo ao Esporte, programa da Secretaria de Estado de Esportes (SEESP): o Centro de Excelência no Esporte II, o Esporte Cidadão Santos Dumont e o Esporte Cidadão Itatiaiuçu. As ações são realizadas, respectivamente, nas cidades de São Brás do Suaçuí (Vertentes), Santos Dumont (Mata) e Contagem (Metropolitano). Participaram da competição 90 jogadores, sendo que 45 são daqueles apoiados por meio do mecanismo do Governo de Minas Gerais. Os jogos aconteceram no Ginásio Poliesportivo Aldemar de Souza, em São Brás do Suaçuí.

Nos três municípios, os programas contemplam as modalidades de futsal e vôlei, beneficiando 100 crianças e adolescentes em cada unidade, totalizando 300 beneficiados. Os alunos são de escolas das regiões, têm idade entre 7 e 15 anos e treinam de uma a três vezes na semana. Para o coordenador pedagógico do Instituto, Alexandre Seixas Côrrea, as atividades trazem benefícios amplos para os participantes. “Atendemos não só para a prática esportiva, mas também para uma melhora da autoestima. Além disso, como os treinamentos são realizados no contra turno escolar, preenchemos um momento que podia se tornar ocioso”, explica.

Além do viés esportivo, os projetos trabalham atividades transversais, com temas em debate na sociedade. Ocorrem, periodicamente, discussões sobre meio ambiente, saúde, orientação sexual, pluralidade cultural, trabalho e consumo. Para Alexandre, essas ações se associam à proposta de trabalho, através de um entrelaço com a educação formal, legitimando os projetos.

O coordenador pedagógico recebe retornos positivos das escolas e de pais. “Há relatos de diretores e professores que perceberam um melhor comportamento, além de uma maior frequência dos alunos. Também há famílias que perceberam uma mudança dentro de casa”. Thiago Henrique, de 14 anos, faz as aulas de futsal na cidade de São Braz do Suaçuí e diz já ter adquirido um grande aprendizado no projeto, onde está desde o início. “Além de poder realizar atividade física, já aprendi muita coisa do futsal. É muito bom estar lá”, conta.

O projeto Centro de Excelência no Esporte II é viabilizado pela primeira vez através da Lei Estadual de Incentivo ao Esporte, captando recursos junto à VSB. Já o Esporte Cidadão Santos Dumont ocorre pela segunda vez com o apoio da ArcelorMittal e Dow Corning, enquanto o Esporte Cidadão Itatiaiuçu pela terceira vez, contando com o apoio da Vallourec, ArcelorMittal e Belgo Bekaert Arames. “A Lei de Incentivo fez com que os projetos fossem implementados, proporcionando para os alunos um melhor trabalho. Pudemos contratar professores, realizar ações, doar os uniformes”, afirma o coordenador.

Nos próximos meses o Instituto continuará organizando competições. No dia 25 de março será realizado o Festival de Vôlei. Já no dia 29 de abril, os alunos se reúnem para a Copa da Amizade de Futsal. A etapa final para a Copa IBEEC de Futsal está prevista para o dia 28 de outubro. “Esta é uma forma de manter as crianças motivadas em nossas aulas, através de uma vivência competitiva”, comenta Alexandre.

Lei Estadual de Incentivo ao Esporte

O Minas Esportiva Incentivo ao Esporte é um programa de fomento à prática esportiva em Minas Gerais. Por meio dele 0,05% da receita líquida anual do ICMS que coube ao Estado podem ser direcionados pelas empresas contribuintes para apoiar atividades esportivas ou paradesportivas.

Desde que foi sancionada a Lei Estadual de Incentivo ao Esporte, foram aprovados 470 projetos que trouxeram benefícios tanto para a população atendida quanto para as empresas apoiadoras. Desse total de iniciativas, 123 projetos já foram executados ou estão em execução com recursos que ultrapassam os R$ 32,6 milhões.

Hoje, o número de beneficiários já chega a mais de 67,1 mil entre crianças, adolescentes, jovens, adultos e idosos, em 51 municípios de Minas Gerais.